sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Poesia Para a Mulher do Pastor





A Mulher do Pastor

Se pastor fosse um esporte

De modalidade qualquer
Seria como um tiro ao alvo
E o alvo seria a mulher

Ela recebe toda a carga

Que não lançam no pastor
E dela que todos esperam
Gestos serenos de amor

Quando alguém paga o preço

Dela sempre vêm lembrar
Ela não pode ter defeitos
Nunca jamais pode errar

Nada que faça é o bastante

Para nos satisfazer
Todos olham seu exemplo
Jamais pode esmorecer

Seu ouvido nunca enche

Tantas queixas a ouvir
Para todas tem resposta
Causas para decidir

Perceber seu sacrifício

Sem um prêmio receber
Galardão que ela merece
Somente em Deus pode ter

Um comentário: